sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Para o legado da câmara que morreu ontem fica a hecatombe de Mariana!
A morte iguala as pessoas?

E aí temos a Justiça a desserviço da Nação, do bom-senso, usando palavras enigmáticas em frases mal construídas.

Dificilmente o STF deixará de punir Lula, pela avaliação feita sobre a "suprema" Corte. Houvesse dignidade, e o STF, ainda que condenar Lula à prisão, deveria, em respeito à Nação, chamar a si a responsabilidade de julgamento.

LULA sabe, ou deveria saber, que a Justiça, em todos os seus níveis, está comprometida com o "golpe branco": desde o juiz de primeira instância, no interior paulista ou de Curitiba, até ministros do STF, desde os Tribunais de Contas até a Procuradoria Geral da República. As críticas feita por Lula ao STF são até suaves, mas não terão sido a pá-de-cal?

O ponto máximo da alienação dos imbecis que querem a quebra da Ordem: deixam-se acolher pela FIESP, o símbolo do pré-capitalismo explorador de mão-de-obra escrava.


O Procurador Geral da República é leitor inveterado de Kafka, de quem aprecia em especial "O Processo" e "O Castelo". Também lê e relê "Alice no País das Maravilhas". E assim caminha o Brasil.

 panos quentes servem para compressas:

Nenhum comentário:

Postar um comentário