sexta-feira, 14 de abril de 2017

14\04\17
É bom explicar que ATUARIA é a ciência que cuida de cálculos de meios para prevenção´de gastos de previdência ou quaisquer que devam ter cuidados pela projeção de seus efeitos futuros. Assim se previnem as empresas quanto aos seus objetivos. Tem sido comum o já conhecido PDV com que Bancos e empresas estatais procuram realinhar seus quadros para adaptar custos. É comum que procurem rejuvenescer estes, já que a saúde é componente à produção. Há preocupação de se encolher o horário de trabalho para aumento de produção porque a fadiga gera sua diminuição e acidentes. Mas, como aqui no Brasil domina a petulância e se põe gago para discursar, estamos assistindo um cômico pacote legislativo que irá se constituir em uma BOMBA DE TEMPO, qual um tiro que se desfere ao próprio pé. A 'reforma' de previdência será um gerador de miséria. Veja-se que sem perspectiva de se aposentar todo o contingente de trabalhadores ficarão, já sem suas melhores condições, 'amarrados' a empregos que lhes deem sobrevivência. Serão mendigos a pedir permanência em seus postos para não sucumbir, já que não tem como encostar seus corpos cansados. Ao mesmo tempo estarão ocupando lugar de gerações novas que necessitam ter seu começo de vida laboral. Será a guerra de interesses econômicos que, claro, se fará vencida pelo capital (empregadores) mas com a aética condição de desprezo pela face humana nos relacionamentos. A redução de salários e produtividade serão automáticos nesse quadro. Em escala também afetarão o comércio e indústria. Ou seja, cria-se um circulo para o mal. Se o intuito for o de salvar o caixa da previdência impõe que se veja o preço humano injusto e imoral. A sociedade é a projeção da família. Pode-se comparar o quadro nacional em armação a um quadro familiar em que o jovem filho ficará deitado no sofá por não ter como arranjar um emprego enquanto seu alquebrado pai vai se arrastando para o sustentar. E essa imbecilidade oficial será enfeitada pela moldura de um massa chamada TERCEIRIZAÇÃO que ajudará a podar meios salariais ou garantias de empregos já conseguidos ou apenas desejados. TRISTE PAIS CONDUZIDO POR UM ANÃO MORAL.